quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Reconhecimento do Ministério Pastoral - CIEADEP

Irmãos e amigos foi realizado na cidade de Londrina nos dias 11 12 e 13 de outubro, a 51ª Convenção da CIEADEP (Convenção das Igrejas Evangélicas Assembléia de Deus no Estado do Paraná) foi uma benção, obreiros de todo Paraná participaram, nesta convenção recebemos a benção da consagração o ministério Pastoral, quero louvar a Deus, pois mais uma promessa que se cumpre em minha vida.
A Deus seja toda honra e Glória.

Quero usar este espaço para agradecer a Deus pela vida de minha esposa, irmã Elizabete Beatriz, que tem sido um coluna forte em meu ministério, agradeço pela vida de meus filhos, Cristopher Werner, Cristhian Elin e Cristyano Elionay, filhos amo voces. Agradeço a Deus pelos meus pais Pb. Verner e irmã Nilza.
Não posso deixar de agradecer a Deus pela vida de meu pastor presidente, o muio digno Pr. Antonio Batista Mais, pelo entendimento da chamada de Deus em minha vida. Pr. Antonio que a benção de Deus se complete a cada dia em sua vida.



Abaixo algumas fotos do evento acima descrito:

Pr. Jairo e Pr. Ival Teodoro, pastor Presidente da CIEADEP

junto com o Pr. Douglas, tesoureiro CIEADEP

com o Pr. Aparecido Storbem, vice presidente CIEADEP


momento em que meu nome é anunciado


juramento

Pr. Ival, presidente CIEADEP orando e impondo as mãos sobre mim

igreja completamente tomada

neste momento minha metade não podeira ficar de fora

minha amada colocando o boton da convenção

casal abençoado, Deus é fiél

no hotel junto com o Pr. Aiton

com o compositor Ev. Moisés Cleiton

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Adoração não é brincadeira.

Vistando o blog do Pastor Renato Vargens me deparei com um texto interessante que passo a compartilhar convosco aqui. Concordo com o escritor pois tem muita gente brincando com Deus, e principalmente no que tange a adoração, "é hora de sermos verdadeiros adoradores"

Veja abaixo o texto:

Adoração não é brincadeira.


Ontem, durante a mesa redonda da 27ª Conferência Fiel para Pastores e Líderes, ouvi uma frase do Dr. Heber Campos que mexeu comigo. Ao dissertar sobre a glória de Deus, Heber afirmou de forma extremamente emocionada que adoração não é brincadeira e que os homens prestarão contas ao Senhor por aquilo que tem feito dela.

Pois é, à luz dessa afirmação fico pensando sobre aquilo que parte dos evangélicos tem chamado de adoração. Infelizmente em nome de uma espiritualidade equivocada, pastores e cantores estão brincando com a glória de Deus entando cânticos cujo objetivo final visam a satisfação humana. Há pouco ouvi uma destas canções cujo "espírito da música" era ordenar que Deus os abençoasse poderosamente dando-lhes bens, propriedades e riquezas.

Caro leitor, por favor, pare, pense e reflita nas letras das músicas que são tocadas nos cultos evangélicos. Sinceramente algumas delas são absurdamente ridículas, além obviamente de um mal gosto musical que denota a incompetência dos compositores. Se não bastasse isso, os princípios teológicos disseminados nestas canções são destruidores.

Sinceramente fico a pensar por que os músicos de nossas comunidades evangélicas não submetem suas "poesias" a pessoas qualificadas para que à luz das Escrituras avalie o conteúdo de suas canções.

Outro dia tomei conhecimento de uma versão evangélica da música "Bonde do Tigrão" intitulada “Bonde do Ungidão”. Tal canção baseia-se no funk e numa de suas famosas músicas muito tocada neste país há alguns anos passados, senão vejamos:

Quer mudar, quer mudar
Ungidão vai te ensinar
Eu vou passar óleo na mão
Vou sim meu irmão Vou ungi você varão
Vou sim, vou sim
Orando de hora em hora
Vou sim ,vou sim
Conquistar sua vitória
Agora, agora Eu vou passar óleo na mão
Vou mostrar que o ungidão
O senhor é Jesus Cristo
Então desperta, desperta
E o Bonde do Ungidão
Segure a Bíblia e levante a mão
É o bonde do ungidão
Quer mudar quer mudar
Ungidão vai te ensinar
Só as varoas / hú,hú,hú,hú,hú
Abençoadas / hú,hú,hú,hú,hú,hú
Varões de guerra / hú,hú,hú,hú,hú,hú
A igreja toda / hú,hú,hú,hú,hú,hú

Pois é, esse povo está brincando com coisa séria. Estão brincando com a glória de Deus! Quão temível é isso!

Caro leitor, infelizmente em nome de uma pseudo-espiritualidade circence, ligamos o nosso achômetro na tomada da sintologia esquecendo de fazer da Palavra de Deus referência para as nossas vidas. Mais do que nunca torna-se necessário que redescubramos a importância e a centralidade da Palavra de Deus. Em tempos como este é mister que sejamos como os de Bérea, ou seja, fazendo da Palavra de Deus a bússola que norteia os nossos passos e caminhos.

Como inúmeras vezes afirmei neste blog, confesso que estou absolutamente perplexo e preocupado com os rumos da igreja evangélica. Chego a conclusão de que mais do que nunca a igreja brasileira precisa URGENTEMENTE de uma nova reforma. Como costumava dizer o reformador João Calvino o verdadeiro conhecimento de Deus está na bíblia, e de que ela é o escudo que nos protege do erro. Em tempos difíceis como o nosso, precisamos regressar à Palavra de Deus, fazendo dela nossa única regra de fé, prática e comportamento.
Pense nisso!

Renato Vargens

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

CGADB 2013, veja o que pode vir por ai... parte II

Veja mais comentários do Pr. Geremias do Couto acerca da sucessão na CGADB em 2013.

Volto uma vez mais só para acrescentar o que é uma das cláusulas pétreas da Terceira Via, como já publicado em meu blog:

"Em nono lugar, na hipótese de a terceira via vir a ser a alternativa acolhida pela maioria dos filiados à CGADB, sua primeira iniciativa deveria ser convocar de imediato uma reunião com os presidentes de convenções estaduais e outros líderes regionais, que seria realizada, no máximo, 30 dias após a Assembleia Geral Ordinária de 2013, com o propósito de se recolherem por cinco dias para: 1) oração e estudo da Palavra, 2) estabelecer de forma colegiada, juntamente com a nova Mesa Diretora, as diretrizes de ação para o quadriênio, e 3) referendar, com a devida vênia da Assembleia, os nomes que comporão conselhos e comissões da CGADB à luz da nova realidade. Essa seria uma maneira de comprometer toda a liderança assembleiana com o novo projeto, que estaria sendo gestado de forma exequível numa atmosfera fraterna, pacífica e espiritual, com prazo de validade: quatro anos".

Com sinceridade, essa decisão da CONFRADESP trouxe mais ânimo a todos os companheiros que estão conosco.

PS. Corre à boca pequena, que, sob o argumento da inauguração do templo do Belenzinho, a próxima AGO de 2013, seria realizada em São Paulo.

Ou seria para assegurar a eleição do candidato "A" em seu território?


CGADB 2013, veja o que pode vir por ai...

Amigos leitores, a Confradesp aprovou moção de apoio a releição do Pr. José Wellington na CGADB em 2013.

Lendo a postagem no blog do Pr. Carlos Roberto Silva me deparei com vários comentários a respeito de tal assunto, o que me chamou atenção foi o comentário do nobre companheiro, o Pr. Geremias do Couto o que com a devida autorização venho postar aqui para que muitos mais tenham conhecimento de tais fatos.
Pr. Geremias do Couto

Veja o comentário:

Meu nobre irmão, pastor e amigo:

Muito interessante a moção de apoio à reeleição do pastor José Wellington Bezerra da Costa, apresentada pelo amigo comum, pastor Jesiel Padilha.

Interessante porque revela tudo quanto já falávamos antes quanto à nova candidatura do atual presidente ao próximo pleito. Vai para o "sacrifício" na tentativa de manter "unido" o seu grupo.

Interessante porque revela, de antemão, a preocupação com o surgimento da Terceira Via. Até porque ela é citada como um clamor de muitos pastores da CGADB. Por que não tentar neutralizá-la, agora, quando começa a tomar corpo?

Interessante porque revela o nível de polarização em que se encontra o processo eleitoral na CGADB em que o autor da proposição afirma não ter a Terceira Via condições de "derrotar" o pastor Samuel Câmara por não dispor de um arco de alianças capaz de "cabalar" votos.

Sim, muitas coisas interessantes.

Mas vale alguns reparos.

Primeiro, a Terceira Via não é contra o pastor José Wellington Bezerra da Costa, bem como não é contra o pastor Samuel Câmara. Entre os seus propósitos, está exatamente o rompimento dessa polarização, que tem sido danosa à nossa instituição nos últimos anos, e resgatar princípios há muitos esquecidos, como, por exemplo, a eleição "secularizada" que marcou os últimos embates.

Segundo, em que pese a importância do apoio de líderes exponenciais de nossa Assembleia de Deus, a Terceira Via não quer e não pretende valer-se de alianças que comprometem no nascedouro as suas propostas de renovação para a CGADB.

Terceiro, os caminhos da Terceira Via são outros. Visa atender, em primeiro lugar, esse clamor mencionado pelo pastor Jesiel Padilha, e o tem feito (e continuará fazendo) através da oração, do convencimento, da seriedade e da responsabilidade. Mas nunca será através de "partilhas" antes negociadas.

Fico feliz em saber que a Terceira Via foi mencionada na AGO da CONFRADESP. Isto significa que estamos no caminho certo.

Abraços.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...