quarta-feira, 27 de maio de 2009

Caminhos na India

A paz do Senhor,

Irmãos e amigos com prazer e alegria estou postando a Carta que recebi (via email) do Pr. Dimas, enviado pela igreja de Cuiabá e que atua como missionário na India.

Pr. Dimas e esposa Darlebe juntamente com um casal indiano
Pr. Dimas orando em favor de uma mulher indiana

Segue a carta na integra:
HARYANA, NEW DELHI- INDIA
26/05/09

A PAZ DO SENHOR

"e todos os dias, no templo e nas casas, nao cessavam de ensinar e de anunciar a Jesus Cristo" (Atos 5:42)
É COM MUITA ALEGRIA NA ALMA QUE VOS ESCREVEMOS ESTAS POUCAS LINHAS, PARA COMPARTILHAR DAS BENCAOS DO SENHOR.

O PROJETO MENINAS DA INDIA, QUE JÁ NÃO E APENAS UM PROJEO, MAS SIM UMA REALIDADE, DEUS TEM FEITO PROSPERAR DE UMA FORMA MARAVILHOSA ESTE TRABALHO.

A SEMANA PASSADA CONSSEGUIMOS RESGATAR MAIS DUAS MENINAS, PARA A GLORIA DE DEUS.
IGREJA:
TODO OS DIAS ESTAMOS COM ATIVIDADES, SAO TRES DIAS DE CULTOS, E OS DEMAIS DIAS FAZENDO VISITAS, HAVIAMOS PROGRAMADO A FAZER UMA VISITA NA TERCA FEIRA PASSADA, LOGO APOS O CULTO DE CIRCULO DE ORACAO, ESTA VISITA SERIA A CASA DE UM NOVO CONVERTIDO (MUCULMANO) ELE ESTA ALEGRE E TEMOS MINISTRADO A PALVRA PARA ELE QUASE QUE TODOS OS DIAS, ELE REALMENTE TEM SEDE DE DEUS.

ASSIM QUE ELE NOS FEZ O CONVITE A VISITAR A FAMILIA DELE, E FALAR DE JESUS, NA TERCA FEIRA ANTES DE ACABAR O CULTO UM DOS IRMAOS CHEGOU E ME DISSE PASTOR HOJE O SENHOR VAI VISITAR A CASA DO IRMÃO (MUÇULMANO), ENTAO O IRMAO NOS ALERTOU DIZENDO PARA NAO IRMOS, POIS HAVIA PESSOAS COM PAUS NAS MAOS PARA NOS ATACAR, NAQUELE MOMENTO FIQUEI MUITO TRISTE, PENSANDO QUE ERA UMA FARSA DO NOVO CONVERTIDO, MAS GRACAS A DEUS NAO ERA, POUCOS MINUTOS DEPOIS ELE CHEGOU A IGREJA E NOS ALERTOU TAMBEM, DIZENDO, PASTOR NAO VAI HOJE, MEUS PARENTES ESTAO EM CASA E TODOS SAO MUCULMANOS, VAMOS ESPERAR QUE ELES RETORNEM PARA DELHI, POIS A MINHA MAE MUITO TEM SE INTERESADO EM CONHECER A JESUS TAMBEM, MAS A FAMILIA NÃO ACEITA.
MESMO ASSIM MUITOS TEM ENFRENTADO ESTE DESAFIO.
NO MUNDO MUÇULMANO DEIXAR O ISLAMISMO, E UMA PROFANACAO CONTRA ALA E MAOME, E DIGNO DE MORTE.
MAS EM TUDO DEUS TEM UM PROPOSITO, FICAMOS NA IGREJA E AO TERMINAR O CULTO ESTAVAMOS NOS CONFRATERNIZANDO QUANDO CHEGARAM ALGUMAS PESSOAS, E JUNTO A ESTAS PESSOAS UM SACERDOTE HINDU, SEGUIDOR DO deus SHIVA, E ALI COMECAMOS A FALAR DEM JESUS PARA AQUELAS PESSOAS, FOI QUANDO O SACERDOTE HINDU SE LEVANTOU MUITO FURIOSO, E COMECOU A RECITAR VEDAS E OUTROS LIVROS SAGRADOS DO HINDUISMO, DERREPENTE UM DOS IRMAOS QUE OUTRORA ERA BRAMANE ( CASTA ELEVADA NO HINDUÍSMO), DEU ORDEM AO SACERDOTE A CALAR SE E SENTAR, E SE APRESENTOU FALANDO NA LINGUA DO SACERDOTE (BIRRARY) O IRMAO DISSE EU SOU BRAMANE OU SEJA O IRMAO ERA SUPERIOR AO SACERDOTE, E O SACERDOTE BAIXOU A CABECA E TEVE QUE OUVIR O IRMAO, E O IRMAO DISSE ESTE HOMEM AQUI E O PASTOR DIMAS ELE E O MEU PASTOR, ELE E SUPERIOR A MIM ETC..., FOI ALGO MARAVILHOSO, DEPOIS DE MAIS DE DUAS HORAS, O SACERDOTE SAIU DIZENDO QUE GOSTARIA DE SABER MAIS SOBRE JESUS, ORAMOS POR ELE, ELE ME ABRACAVA E FOI UMA GRANDE BENCAO, NAO FOI POSIVEL IRMOS FAZER A VISITA QUE DESEJAVAMOS, MAS DEUS TROUXE ESTAS OUTRAS PESSOAS ATE NOS E PUDEMOS FALAR DO GRANDE AMOR DE DEUS. TODOS OS DIAS TEMOS RECEBIDO VISITAS NA IGREJA, SABEMOS QUE NAO E FACIL, MAS E MARAVILHOSO SERVER A DEUS. DEUS TEM FEITO PROSPERAR O TRABALHO DE FORMA MARAVILHOSA.

SEGUIREMOS SEM CESSAR DE PROCLAMAR A JESUS CRISTO NOSSO SENHOR E SALVADOR.
A COLHEITA SERA MARAVILHOSA PARA O REINO CELESTIAL.

QUE O SENHOR DEUS CONTINUE LHES ABENCOANDO GRANDEMENTE.

MARANATA!
ORA VEM SENHOR JESUS!

DE VOSSOS IRMAOS EM CRISTO
Pr. Dimas, Darlene, Cezar, Gabriel, Phelipe e demais irmãos Indianos

http://www.comadematlive.org/
http://www.comademat.net/


segunda-feira, 25 de maio de 2009

Abandonado?

"Porque, se meu pai e minha mãe me desampararem, o Senhor me acolherá"
Salmo 27:10
Como pode alguém crer que Deus o ama, quando os seus próprios pais o abandonaram?
Essa é uma dura realidade para muitas pessoas, principalmente nos grandes centros. Quantas que sofreram com a falta dos próprios pais, muitas vezes existem feridas no coração de alguém que sofreu assim. A falta de auto-estima, revolta e desesperança rondam o intimo de muitas pessoas traumatizadas com essa dor. E muitas chegam a pensar que DEUS os abandonou.
A verdade é que isso não significa que Deus não ame o desamparado, pelo contrario, vemos no verso acima da palavra de Deus uma expressão maravilhosa do Senhor: "O Senhor me acolherá".
Só Deus tem o poder de transformar as experiencias mais dificeis da vida em grandes VITÓRIAS.
  • Pense nisso: Você é capaz de perdoar seu pai ou sua mãe pelo desamparo que você sofreu? Você já falou com Deus sobe isso?
  • Lembre-se: Jefté, um grande libertador de Israel, um homem de Deus, era filho de uma prostituta, e foi muito desprezado por seus irmãos por parte do pai. Juizes 11: 1 a 3.
  • Ester, salvou o povo judeu do exterminio, não tinha pai e nem mãe. Ester 2:7.
Por isso não importa o momento que você esta atravessando, saiba e creia que Deus se importa com você, e acima de tudo te ama e tem um plano contigo. Ele não te deixará só, o teu barco no mar da vida não vai afundar, ainda que entre agua, fique tranquilo, Jesus esta contigo no barco.


sexta-feira, 22 de maio de 2009

Nota de REPUDIO

A paz do Senhor, irmãos e amigos, é urgente e necessario participar, pois as declarações desse senhor (foto abaixo) é algo que não podemos aceitar.
Transcrevo a Nota de REPUDIO DA UBE (União de Blogueiros Evangélicos) e assino, pois não vou me calar diante de tal situação.
A acesse http://www.ubeblog.com/ e assine você tambem essa nota. E divulgue para que o maior numero possivel de pessoas possam ter acesso a essa informação.
A União de Blogueiros Evangélicos, neste ato representada pelos associados abaixo assinados, vem, mui respeitosamente, repudiar publicamente a atitude do Excelentíssimo Ministro do Meio Ambiente, sr. Carlos Minc, que, no dia 18 de maio de 2009, durante discurso no Palácio Guanabara, em São Paulo, afirmou o seguinte: "Tem alguns momentos em que a Igreja erra feio. Um deles é a questão da camisinha. Se a gente fosse atrás da Igreja, quantas pessoas não estariam doentes? Outra questão é a da homofobia. Como é que uma religião pode dizer que é fraterna e solidária com todos se pressiona os parlamentares a não aprovarem a lei que criminaliza a homofobia?"; e ainda completou: "Quem se opõe à aprovação dos projetos que criminalizam a homofobia é corresponsável pela multiplicação dos crimes que nada têm de fraternos e solidários". Como que fornecendo o corolário para a discussão do problema, conforme as agências noticiosas, o ministro também forneceu o emblemático número de três mil crimes por homofobia, nos últimos dez anos no Brasil.
Sobre o desastroso pronunciamento do sr. Ministro, a UBE entende:
1) Que o Ministro pode e deve se manifestar no exercício democrático do seu juízo. Inclusive, discordando da posição da Igreja e dos cristãos de uma forma geral; afinal, a livre manifestação do pensamento é garantia assegurada pela Carta Magna em seu art. 5º, inciso IV. Garantia essa que, ironicamente, o PLC 122/2006 pretende acabar a pretexto da tipificação criminal da homofobia..
2) Que o Governo Federal, representado naquele ato pelo então Ministro, enquanto Poder Executivo do Estado brasileiro, deve zelar para que todos os cidadãos tenham seus direitos resguardados em consonância com os dispositivos legais vigentes, de maneira isonômica e justa, independente de sua cor, raça, sexo, opção sexual e religião, conforme estabelece o artigo 5º, caput, da Constituição Federal, o qual estabelece que "Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes".
3) Que o sr. Ministro acabou por atacar frontalmente todas as igrejas e entidades religiosas que se opõem a tais projetos legislativos, responsabilizando-as levianamente por aquilo que ele denomina de "multiplicação dos crimes que nada têm de fraternos e solidários". Entidades essas que, inclusive, estão inseridos os milhares de blogueiros evangélicos que assinam virtualmente a presente nota de repúdio;
4) Que, da maneira infeliz e irresponsável como foi feito, o pronunciamento evoca uma separação de grupos sociais, de modo a suscitar uma luta de classes entre aqueles que são contrários e aqueles que são favoráveis aos projetos de lei de criminalização da homofobia. Luta esta inexistente, uma vez que nenhuma igreja aqui representada assassinou, instigou ou colaborou para que gays, lésbicas e simpatizantes sofressem qualquer tipo de violência; muito menos incita ou incitou ódio contra os homossexuais.
5) Que o simples fato de apoiar ou não apoiar determinado projeto legislativo não significa necessariamente incentivo a um certo comportamento social; principalmente quando esse comportamento é maléfico para a sociedade. Com efeito, ser contrário à aprovação dos projetos que criminalizam a homofobia não é o mesmo que incitar o ódio ou a violência contra os homossexuais. Absolutamente. Afinal, se essa for a lógica padrão, concluiríamos também que o sr. Ministro é incentivador do uso de drogas, notadamente da maconha, isso porque, recentemente, ele mesmo participou de ato público onde pedia – aos gritos - a descriminalização do uso da maconha. Portanto, se essa idéia estiver correta, o sr. Carlos Minc é também "corresponsável pela multiplicação dos crimes que nada têm de fraternos e solidários" originados a partir do uso da maconha (furtos, roubos, homicídios, violência, etc.), bem como corresponsável pela destruição de milhares de famílias brasileiras que possuem dentro de casa viciados nesse tipo de droga.
6) Que as igrejas aqui representadas se resguardam o direito ao exercício do mesmo juízo resguardado ao nobre ministro e discordam igualmente de suas palavras e do apoio a tais projetos. Desta forma, as igrejas e seus membros podem discordar de quaisquer opiniões que julguem contrárias à sua fé e crença, inclusive, entre si, e o fazem de maneira ordeira e responsável. Não lembramos de qualquer enfrentamento religioso, apesar das divergências pontuais entre as correntes evangélicas brasileiras, o que é sadio;
7) Que, diante da afirmação de que nos últimos dez anos houve no Brasil 3.000 crimes por homofobia, se faz necessária a seguinte pergunta: Por que o ministro, ou seu correspondente na pasta da Justiça, não disponibiliza as investigações das 3.000 mortes? Porque muitos destes crimes foram sequer investigados! Entendemos que o emblemático número é fruto de mistificação grosseira e sintetiza a omissão e inabilidade do próprio Governo frente à crescente criminalidade de nossos dias. Senão leiamos um trecho de reportagem do Jornal do Commercio, do dia 15 de abril deste ano sobre o mesmo assunto. Na ocasião o jornal divulgava estatísticas semelhantes (grifos nossos):Os gays são mais "frequentemente assassinados dentro da própria casa", geralmente a facadas ou estrangulados. Já os travestis são executados na rua a tiros. O perfil dos criminosos é descrito assim pelo relatório: "80% são desconhecidos, predominando garotos de programa, vigilantes noturnos, 65% menores de 21 anos".Os gays são assassinados dentro de casa por 80% de desconhecidos!? Não lhes parece estranho? Veja como a contradição fica mais aparente quando se acrescenta predominando garotos de programa? Ou seja, na maioria das vezes, o gay chama um garoto de programa para sua própria casa, assumindo os riscos inerentes a esta atitude, e por alguma razão, os dois se desentendem e o gay é assassinado! Isso não é homofobia desde o início, porque, a priori, quem aceita um programa com um gay é porque gosta de sexo com ele.Apesar das mortes, que devem ser sempre lamentadas, as ONGs dos movimentos engajados desejam um tratamento específico ao problema. O que querem? Um policial para cada casa, para poderem fazer sexo em segurança com um desconhecido? Observemos, por oportuno, que a questão colocada em foco não é a violência como drama brasileiro, mas a que atinge especificamente a homofobia. Uma classe especial de apuração somente para os gays. Como se as demais mortes de brasileiros fossem menos importantes. Outrossim, o que dizer dos gays que morrem disputando parceiros? Ou isto não acontece? Ou os que se envolvem em brigas que não tem nada a ver com sua opção sexual e em decorrência delas são assassinados? Dos que se arriscam nos programas noturnos? Enfim, em que circunstâncias foram mortas cada uma destas pessoas? A alquimia esconde, por exemplo, os praticantes do bareback!
8) Que tais projetos criam uma classe especial de privilegiados. Que de posse dos direitos especiais providos pelos projetos irão arguir as opiniões contrárias, de maneira agressiva e violenta, como já ocorre nos EUA. Decerto, a prevalecer a maneira tendenciosa como o Governo Federal cria políticas segregacionistas, um dia o Brasil vai ter uma Delegacia para apurar crimes contra os gays (aliás, já tem, só que com mais ênfase tem em vista os projetos em trâmite), outra contra os negros, os pardos, os amarelos, os narigudos, os baixinhos, os carecas, os gordos, os babalorixás, os que usam colete; enfim, contra cada categoria que reclame para si uma apuração diferenciada. Quando todos, repetimos, todos, os crimes deveriam ser apurados indistintamente, e nuances como sexo, religião, raça e opção sexual fossem contornos do fato. Exceto, nos casos em que há ligação explícita, como, por exemplo, os crimes praticados por neonazistas;
9) Que o Governo Federal desde há algum tempo luta por reparações históricas. O que seria muito bom, se tais reparações não segregassem os brasileiros em castas. A segregação impõe uma classe. Tal imposição se configura racista, quando aloca privilégios. Repudiamos tal articulação, pois historicamente perseguidas pela Igreja Católica, por exemplo, as evangélicas, nunca ousaram reivindicar reparação alguma;
10) Que a fala do excelentíssimo ministro Carlos Minc tenta mantê-lo em foco, desviando-o dos verdadeiros problemas de sua pasta, quais sejam, em resumo:
a) Desmatamento recorde. Provavelmente ao término deste texto o tamanho de uma quadra de futebol de árvores foi abaixo, em nome da ilegalidade e da exploração desordenada;
b) Poluição desmedida de nossos rios e costas. As matas ciliares estão em franco desaparecimento e os rios brasileiros agonizam;
c) Crescimento desordenado de nossas cidades, com déficit sensível de saneamento básico;
d) Impunidade nos delitos contra a natureza;
e) Ausência de políticas de longo prazo para o meio ambiente, tais como implantação da sustentabilidade plena em áreas de preservação ambiental.
Em suma, diante do fiasco à frente do Ministério do Meio Ambiente, o excelentíssimo senhor Carlos Minc procura desesperadamente por visibilidade advogando causas estranhas à sua pasta. Como militância na marcha da maconha e portavoz de evento gay.
Fonte: http://www.ubeblog.com/

segunda-feira, 18 de maio de 2009

Como tratamos a pessoas a nossa volta?

A paz do Senhor, irmãos e amigos, nos dias em que vivemos nos tormanos um pouco centralizados em nós mesmos, e as vezes esquecemos que a nossa volta esta alguém que tem sentimentos, como voce esta tratando as pessoas a sua volta?
Veja esse pequene texto, ele reflete bem a situação atual de nosso tratamento co as pessoas a nossa volta.
Eu estava correndo e de repente um estranho trombou em mim:
– Oh, me desculpe por favor, foi a minha reação.
E ele disse:
– Ah, desculpe-me também, eu simplesmente nem te vi!
Nós fomos muito educado um com o outro, aquele estranho e eu. Então, nos despedimos e cada um foi pro seu lado. Mas em nossa casa, acontecem histórias diferentes. Como nós tratamos aqueles que amamos...???
Mais tarde naquele dia, eu estava fazendo o jantar e meu filho parou do meu lado tão em silêncio que eu nem percebi. Quando eu me virei, tomei o maior susto e lhe dei uma bronca.
Saia do meu caminho filho!
E eu disse aquilo com certa braveza. E ele foi embora, certamente com seu pequeno coração partido. Eu nem imaginava como havia sido rude com ele. Quando eu fui me deitar, eu podia ouvir a voz calma e doce de Deus me dizendo:
– Quando falava com um estranho, quanta cortesia você usou! Mas com seu filho, a criança que você ama, você nem sequer se preocupou com isso! Olhe no chão da cozinha, você verá algumas flores perto da porta. São flores que ele trouxe pra você. Ele mesmo as pegou; a cor-de-rosa, a amarela e a azul. Ele ficou quietinho para não estragar a surpresa e você nem viu as lágrimas nos olhos dele.
Nesse momento, eu me senti muito pequena. E agora, o meu coração era quem derramava lágrimas. Então eu fui até a cama dele e ajoelhei ao seu lado.
– Acorde filhinho, acorde. Estas são as flores que você pegou pra mim?
Ele sorriu.
– Eu as encontrei embaixo da árvore. Eu as peguei porque as achei tão bonitas como você!. Eu sabia que você iria gostar, especialmente da azul
Eu disse:
– Filho, eu sinto muito pela maneira como agi hoje. Eu não devia ter gritado com você daquela maneira.
– Ah mamãe, não tem problema, eu te amo mesmo assim!!
– Filho, eu também te amo. E eu adorei as flores, especialmente a azul.
Você já parou pra pensar que, se morrermos amanhã, a empresa para qual trabalhamos poderá facilmente nos substituir em uma questão de dias. Mas as pessoas que nos amam, a família que deixamos para trás, sentirão essa perda para o resto de suas vidas. E nós raramente paramos pra pensar nisso.Às vezes colocamos nosso esforço em coisas muito menos importante que nossa família, que as pessoas que nos amam, e não nos damos conta do que realmente estamos perdendo. Perdemos o tempo de sermos carinhosos, de dizer um Eu te amo, de dizer um Obrigado, de dar um sorriso, ou de dizer o quanto cada pessoa é importante pra nós. Ao invés disso, muitas vezes agimos com rudeza, e não percebemos o quanto isso machuca os nossos queridos.
Que o Espírito Santo de Deus venha tocar em nossas vidas para que possamos valorizar a todos, sabendo que tem uma alma, e que a mesma precisa de salvação, como ganharemos alguém pra Cristo, se nosso tratamento não é como Ele nos ensinou?
Pense nisso!!

terça-feira, 12 de maio de 2009

Dia das mães

A paz do Senhor,


Caro irmãos e amigos queria ter postado algo em referencia ao dia das mães, porém não foi possivel devido ao fato de meu filho caçula (foto abaixo) ficar com febre e tosse, algo que em primeira análise pensamos ser uma simples gripe, uma vez que eu e minha esposa estavamos gripados dias antes, porém de sábado para domingo a febre aumentou e passou a ter vómitos, fato que nos levou ao hospital na manhã de domingo, e que para nossa surpresa foi constatado que meu filho estava com meningite.


Louvo a Deus, pois o médico que atendeu meu filho logo percebeu a gravidade e imediatamente internou e começou o tratamento já no domingo por voltas das 12:00, ontem a noite porém meu filho já estava totalmente conciente, foi ao banheiro caminhando, esta se alimentando normalmente, sendo necessário agora apenas cumprir o ritual do tratamento que se faz necessário, e para a Glória de Deus e alegria nossa os médicos disseram que não ficará nenhuma sequela. GLORIA A DEUS!!
Meu caçula, Cristhyano Elionay


Mesmo que tenha passado o dia, quero parabenizar a todas as mamães que Deus vos abençoe grandemente, e em especial a minha mãe a irmã Nilza e minha esposa a irmã Elizabete (que passou o dia das mães no hospital), amos voces, desejo que Deus em sua infinita graça vos abençoe grandemente.



Alegre-se no amor do Senhor

"Exultarei com grande alegria por teu amor, pois viste a minha aflição e conheceste a angústia da minha alma."
Salmos 31.7
O exultar com alegria no Senhor é algo que podemos fazer com certeza e convicção. Mesmo quando estamos aflitos, e quando nossa alma está angustiada, Deus, nosso Pai, nos vê, e assim podemos confiar e nos alegrar. Mesmo quando a situação diante de nós parece não ter solução, a Bíblia nos ensina a exultar com GRANDE alegria no amor que sabemos que o Senhor tem por nós.
No Egito, muitos muçulmanos estão usando a gripe suína como pretexto para perseguir os cristãos coptas. A criação de porcos é a fonte de sustento para esses cristãos, portanto, o extermínio desses animais pode afetar a vida dos coptas.
Muitos cristãos que estavam presos em delegacias da Eritreia foram transferidos para o Campo de Concentração Militar de Mitire. Entre eles, pastores de diversas denominações. Leia mais e interceda.
O pastor Dmitry Shestakov, do Uzbequistão, foi preso em março de 2007, condenado a quatro anos de prisão. A condição do campo de trabalho onde ele está é extremamente severa, e sua saúde está debilitada. Por esse motivo, a Portas Abertas Internacional está promovendo uma campanha de Ações Institucionais em favor dele. Participe enviando cartas ou emails.
Nossos irmãos perseguidos continuam confiando no Senhor e no Seu amor, pois sabem que Ele cuidará deles. Coloque sua confiança no Senhor e alegre-se. Ele está cuidando de você.
Em nome dos cristãos perseguidos

terça-feira, 5 de maio de 2009

Tudo coopera para o nosso bem

"Sabemos que Deus age em todas as coisas para o bem daqueles que o amam, dos que foram chamados de acordo com o seu propósito."
Romanos 8.28

O versículo citado acima é muito conhecido, mas podemos receber a palavra que Deus tem para nossas vidas hoje. O texto declara que Deus age em favor dos que o amam, e isso, em todas as coisas. Nossos irmãos perseguidos, assim como nós, passam por momentos que parecem não ter o controle de Deus. Para eles, mudanças políticas, prisões, perseguição. Para nós, doenças, finanças. Para ambos, assassinatos, estupros, mortes, desânimo. Independente do que estamos passando, devemos ter a consciência de que Deus está agindo em nosso favor.
No Peru, o coronel David de Vinatea foi demitido de seu emprego de professor porque os pais dos alunos descobriram que ele havia sido preso. Acompanhe o caso e interceda por esse irmão querido.
Na Indonésia, um casal de cristãos foi assassinado em sua própria casa, e os culpados não foram identificados. Isso só reafirma a constante violência contra cristãos na ilha Sulawesi.
Louve ao Senhor, porque as autoridades permitiram que acontecesse um grande culto público de Páscoa no Vietnã. Mais de 15.000 pessoas compareceram e muitas se entregaram ao Senhor Jesus. Saiba como foi o evento.
Ultimamente temos visto muitas mudanças políticas ocorrerem em diversos países. São eleições, mudanças de liderança, golpes e relações internacionais. Acesse a página de notícias em nosso site e ore por esses países.
Que nós e nossos irmãos perseguidos tenhamos a consciência de que tudo coopera para o bem dos que amam a Deus, mesmo que ainda não consigamos enxergar isso no momento.
Tenha uma semana abençoada

www.portasabertas.org.br
Fone: (0--11) 5181 3330
Fax: (0--11) 5181 7525

P.S.: Quer saber como é a realidade dos cristãos perseguidos? Participe do acampamento underground, que acontecerá entre os dias 15 e 17 de maio, em Campos do Jordão. Saiba mais e faça sua inscrição!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...